ISPN - Instituto Sociedade, População e Natureza

14.06.12

Rede Cerrado na Rio+20

A Rio +20 terá como foco os temas da economia verde no contexto do desenvolvimento sustentável e da erradicação da pobreza, enquanto a Cúpula dos Povos tem seu foco na denúncia das causas estruturais das crises econômicas, sociais e ambientais e na construção de novas agendas de luta globais. A Rede Cerrado, atendendo ao chamado da Cúpula dos Povos, contribui para a programação do evento por meio de atividades que visam debater a conjuntura socioambiental do Cerrado e sensibilizar o público geral para as graves ameaças que o bioma e seus povos vêm sofrendo.

A Rede Cerrado defende que os povos indígenas, comunidades tradicionais e agricultores familiares comprometidos com a conservação do Cerrado têm um papel extremamente relevante na manutenção das savanas e florestas em pé. Suas atividades formam um mosaico de paisagens produtivas que proporcionam a continuidade dos serviços ambientais no bioma,tais como a manutenção da biodiversidade, dos ciclos hidrológicos e dos estoques de carbono, o que os torna importantes aliados na conservação dos ecossistemas.

Para dar continuidade aos 20 anos em defesa do Cerrado e de seus povos e comunidades tradicionais, a Rede Cerrado promove e participa das atividades listadas abaixo.

ATIVIDADE: CAIXA PRETA DO CERRADO

 

A “Caixa Preta do Cerrado” é uma instalação com exposição fotográfica para dar visibilidade às riquezas e ameaças do bioma Cerrado. Por ser uma instalação multimídia, possibilita ao visitante ser tocado pela grave degradação do Cerrado ao caminhar sobre grãos de soja, ouvir os sons de queimadas e do desmatamento, além de enxergar a diversidade socioambiental por meio de fotos belíssimas de seus povos e comunidades tradicionais, sua fauna e flora.

Tem como finalidade aumentar a visibilidade nacional e internacional do bioma Cerrado quanto a sua importância ecológica, diversidade de povos, ameaças e novos caminhos de desenvolvimento. Além de permitir que o visitante pense e discuta a importância do Cerrado para o Brasil e para o Mundo.

Data: 15 a 22 de junho de 2012

Hora: 10h às 20h

Local: Tenda Território do Futuro II (ao lado do MAM) – Aterro do Flamengo

ATIVIDADE: ESTANDE DA CENTRAL DO CERRADO, FILIADA À REDE CERRADO

Na Praça da Sociobiodiversidade, iniciativa do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS), Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Ministério do Meio Ambiente (MMA) e Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), serão comercializados produtos de 23 empreendimentos familiares localizados na Caatinga, Cerrado, Amazônia e Mata Atlântica, dentre os quais a Central do Cerrado, que congrega 35 organizações comunitárias que desenvolvem atividades produtivas a partir do uso sustentável da biodiversidade.

Data: 16 a 22 de junho de 2012

Hora: 11h às 20h

Local: Aterro do Flamengo – Praça da Sociobiodiversidade, no mezanino do Museu de Arte Moderna (MAM).

ATIVIDADE: SEMINÁRIO INTERNACIONAL “Por Mudanças Radicais: Agricultura Familiar Camponesa e Agroecologia como Alternativa à Crise do Sistema Agroalimentar Industrial”, promovido pela Articulação Nacional de Agroecologia (ANA)

Data: 15 (13h30 às 17h30) e 16 de junho de 2012 (10h às 17h30) (sexta e sábado)

Local: Salão de festas do Clube de Engenharia – Av. Rio Branco, 124, Centro

ATIVIDADE: MESA REDONDA “RIO+20; CERRADO – 20”

A Rede Cerrado promoverá uma mesa redonda sobre a conjuntura política e socioambiental do bioma Cerrado desde a I Conferência das Nações Unidas sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (Rio 92). Entitulada “Rio +20; Cerrado -20”, a mesa tem o objetivo de discutir o avanço do agronegócio, de grandes empreendimentos como PCHs e a mineração, violência no campo, segurança territorial e educação indígena. Na ocasião, serão apresentadas também experiências emblemáticas como a Lei do Babaçu Livre – que permite o livre acesso das quebradeiras de coco babaçu aos babaçuais, e o mosaico Sertão Veredas Peruaçu – uma integração entre a conservação e o uso sustentável dos recursos naturais.

Data: 16 de junho de 2012 (sábado)

Hora: 17h30 às 19h30

Local: Tenda Chico Science – Aterro do Flamengo

ATIVIDADE: “RODA DE CONVERSA – REDE BIOMAS MEDICINAIS” PROMOVIDA PELA ARTICULAÇÃO PACARI

Data: 16 de junho de 2012 (sábado)

Hora: 14h às 16h

Local: Tenda 9 “Domitila Barrios de Chungara” – Aterro do Flamengo

ATIVIDADE: DEBATE “SUSTENTABILIDADE E CONVIVÊNCIA DIGNA NOS BIOMAS E TERRITÓRIOS: DESAFIOS DA TRANSIÇÃO PARA A ECONOMIA E POLÍTICA” PROMOVIDO PELO FBOMS

Data: 16 de junho de 2012 (sábado)

Hora: 8h30 às 10h30

Local: Tenda D “Vasconcelos Sobrinho” – Aterro do Flamengo

ATIVIDADE: MESA REDONDA “Organização econômica da produção extrativista brasileira: políticas públicas e experiências do cooperativismo solidário”

Essa mesa redonda será promovida pela Frente Parlamentar Mista de Apoio à Produção e aos Povos Extrativistas  e terá a presença do Sr. Braulino Caetano, coordenador-geral da Rede Cerrado.

Data: 18 de junho de 2012 (segunda)

Hora: 14h

Local: Espaço Pier Mauá, auditório 1, Armazem 1, Av. Rodrigues Alves,10 – Praça Mauá

 

 

TFCA - Tropical Forest Conservation ActFundo AmazôniaPNUD - Programa das Naes Unidas para o DesenvolvimentoGEF
ISPN - Instituto Sociedade, População e Natureza »Fazer login » Intranet
SHCGN CLR Quadra 709 Bloco "E" Loja 38, CEP 70.750-515 Brasília - DF . Fone/Fax: (61) 3327-8085
DoDesign-s Design & Marketing