ISPN - Instituto Sociedade, População e Natureza

26.11.08

Central leva ao Rio de Janeiro produtos feitos por comunidades tradicionais do Cerrado

 

Cosméticos da Articulação Pacari feitos com plantas do Cerrado
Cosméticos da Articulação Pacari feitos com plantas do Cerrado

Brasilia (26.11.08) – A Central do Cerrado levará produtos feitos por comunidades tradicionais (índios, quilombolas, agricultores familiares e extrativistas) do Cerrado para a V Feira Nacional de Agricultura Familiar e Reforma Agrária. O evento nacional acontece de 26 a 30 de novembro no Espaço Marina da Glória/Parque do Flamengo no Rio de Janeiro.

 

A Central funciona como uma ponte entre produtores comunitários e os consumidores interessados em produtos sustentáveis do ponto de vista ambiental, social e ecológico. Entre os produtos que a Central irá apresentar no Rio estão: pequi, baru, farinha jatobá, farinha de babaçu, buriti, mel, polpas de frutas e artesanato.

 
A convite do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), promotor do evento, estarão representados cerca de 15 empreendimentos da Central do Cerrado que, juntamente com a Bodega da Caatinga, outra articulação de empreendimentos comunitários,  irá compor a Praça da Biodiversidade durante o evento.
Alem do estande na Praça da Biodiversidade, a Central do Cerrado terá uma ilha de alimentação, onde através do Grupo de Mulheres Sabor do Cerrado, os visitantes poderão experimentar deliciosos quitutes da culinária regional feitos com produtos dos  empreendimentos apoiados pela Central.

 
“A Central do Cerrado é uma iniciativa sem fins lucrativos estabelecida com diversas organizações comunitárias que desenvolvem atividades produtivas a partir do uso sustentável da biodiversidade do Cerrado”, explica o coordenador da entidade, Luis Carrazza.

 
Intercâmbio


Além de promover a divulgação e inserção dos produtos comunitários de uso sustentável do Cerrado nos mercados locais, regionais e internacionais a Central do Cerrado serve também como centro de disseminação de informações, intercâmbio e apoio técnico para as comunidades na melhoria dos seus processos produtivos, organizacionais e de gestão.

 
A Central opera dentro dos princípios e conceitos do Comércio Justo e Solidário, tendo como objetivo promover a inclusão social através do fortalecimento das iniciativas produtivas comunitárias que conciliam conservação do Cerrado com geração de renda e protagonismo social.

 

Informações adicionais sobre a Central do Cerrado podem ser obtidas em www.centraldocerrado.org.br e www.caatingacerrado.com.br

 

Informações e a programação da Feira Nacional da Agricultura Familiar e Reforma Agrária podem ser encontradas em www.mda.gov.br

Contatos:
Luis Carrazza
Coordenador da Central do Cerrado
    (61) 3327 8085    
    (61) 8145 1970    
luis@ispn.org.br
 
 

TFCA - Tropical Forest Conservation ActFundo AmazôniaPNUD - Programa das Naes Unidas para o DesenvolvimentoGEF
ISPN - Instituto Sociedade, População e Natureza »Fazer login » Intranet
SHCGN CLR Quadra 709 Bloco "E" Loja 38, CEP 70.750-515 Brasília - DF . Fone/Fax: (61) 3327-8085
DoDesign-s Design & Marketing