ISPN - Instituto Sociedade, População e Natureza

» Para ler, ver e ouvir

7.10.16

SAVE OUR SAVANNAS – SOS!

O projeto SALVE NOSSAS SAVANAS – SOS! busca evitar uma catastrofe ecológica que afetaria a metade da América do Sul. As savanas são mal-compreendidas, desprezadas e ameaçadas. Um ponto de inflexão sem retorno se aproxima. Podemos fazer contribuições sustentáveis ??em grande escala para reverter a destruição e resolver problemas ambientais, sociais e econômicos interligados e de longo alcance que envolvem segurança hídrica, energética e alimentar, biodiversidade, clima, pobreza e êxodo rural. A solução seria uma combinação entre paisagens sócio-ecológicas utilizadas por comunidades rurais resilientes na metade do Cerrado remanescente e agricultura mais produtiva e sustentável em larga escala na metade já desmatada. A mudança neste sentido já começou, mas são necessários fortes novos estímulos. A equipe do ISPN conta com conhecimento técnico, contato com a base em todo o Cerrado e vasta experiência no governo, agências internacionais, universidades e sociedade civil. Está na hora de aprender lições, divulgar o que realmente funciona e influenciar políticas públicas e práticas privadas. Este salto poderá gerar benefícios e desbloquear novos recursos no Brasil e em países em desenvolvimento ao redor do mundo.

Conheça o vídeo de apresentação de nosso projeto:

27.07.16

Babaçu: Floresta de Vida

O documentário Babaçu, floresta de vida, traz uma perspectiva histórica da ação das mulheres quebradeiras de coco babaçu, suas famílias e organizações sociais, seus conflitos e suas conquistas em três diferentes regiões que têm em comum a conservação por meio do uso sustentável deste importante recurso natural. Este é um documento histórico sobre uma das mais representativas cadeias de valor da sociobiodiversidade brasileira, que abrange mais de 279 municípios em 11 estados, no Cerrado e na Amazônia brasileira.

O documentário introduz os atores sociais com uma participação ativa e dinâmica no processo da construção do filme, por meio da pesquisa, diálogos com pesquisadores e gestores, pela observação direta das formas costumeiras de viver de um grupo particular de pessoas, que são as famílias que fazem o uso do extrativismo dos produtos oriundos da palmeira Babaçu (Attalea spp.).

Leia mais . Read more »

6.04.16

A Produção brasileira de alimentos e as dificuldades enfrentadas para sua regularização sanitária

mulheres processando pequi

Foto: Bento Viana/Acervo ISPN

Nos últimos anos, quem tem acompanhado o desenvolvimento da agricultura familiar no Brasil, percebe a crescente corrente do movimento agroecológico brasileiro. Esta nova abordagem da agricultura, que busca integrar os diversos aspectos sociais, econômicos e ambientais na unidade de produção familiar, enfrenta entraves regulatórios que desconsideram o papel da agroecologia na economia e na qualidade de vida das famílias envolvidas. A legislação brasileira de produção de alimentos, por exemplo, não é apenas ultrapassada para atender as demandas desse setor, é inadequada, excludente e moralmente injusta com segmentos sociais que estão à margem do apoio do estado.

O marco legal da produção de alimentos é definido por uma série de leis, decretos e normas que compõem o sistema sanitário brasileiro. Este, estabelece as regras para o processamento e consumo de alimentos seguros, quer dizer, tem o papel de determinar o que é seguro para ser consumido por uma parcela significativa da população. Porém, o que vem determinando o padrão de segurança do alimento, é a esterilização e homogeneização nos processos de produção e transformação alimentar. De fato, é uma completa inversão de valores sociais e culturais, pois privilegia uma indústria rica e globalizada, em detrimento da ampla diversidade alimentar e do patrimônio histórico e cultural brasileiro. Leia mais . Read more »

18.02.16

Vozes Indígenas num Clima em Mudança

O vídeo “Vozes Indígenas Num Clima Em Mudança” foi concebido com o intuito de contextualizar brevemente algumas articulações indígenas em curso no Brasil quanto ao enfrentamento das mudanças climáticas e seus desdobramentos. Nesse sentido, introduz ao público as reflexões e estratégias de atuação de indígenas que compõem o recém criado Comitê Indígena de Mudanças Climáticas (CIMC), bem como as discussões relativas ao tema no âmbito do Comitê Gestor para Implementação da Política Nacional de Gestão Territorial e Ambiental de Terras Indígenas (CG-PNGATI). As filmagens foram realizadas e os depoimentos tomados, principalmente, durante encontros e reuniões que antecederam a realização da 21ª Conferencia do Clima (COP 21), ocorrida em Paris em dezembro de 2015.

15.06.15

ISPN lança o “Guia de Elaboração de Pequenos Projetos Socioambientais para Organizações de Base Comunitária”

Clique aqui

Nos 20 anos de experiência do ISPN com lançamento de editais e seleção de projetos contemplados pelo “Programa de Pequenos Projetos Ecossociais” (PPP-ECOS), constatou-se a dificuldade das organizações em elaborar boas propostas e conseguir, assim, acessar recursos que viabilizem suas atividades. Com a intenção de ampliar as possibilidades de acesso a recursos, por meio da melhoria da capacidade das organizações nas áreas de elaboração de projetos e captação de recursos, é que o Projeto Captação de Projetos de Temática Ambiental – CAPTA foi concebido.

Realizado em 2013 e 2014, o projeto foi financiado pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade – Funbio, por meio da chamada de projetos do Acordo “Tropical Forest Conservation Act” (Acordo TFCA), firmado entre o Governo Brasileiro e o dos Estados Unidos da América com o intuito de aplicar recursos da dívida externa brasileira em ações de conservação de florestas tropicais. No âmbito do projeto CAPTA, foram capacitados 155 representantes de organizações de base comunitária, nos seis cursos realizados sobre elaboração de projetos e captação de recursos, estruturados com ênfase nos seguintes temas:

a) Desenvolvimento institucional;
b) Beneficiamento e comercialização de produtos da sociobiodiversidade; e
c) Agroecologia.

Com um recorte bem definido, o curso pôde trazer mais conteúdo às discussões e, consequentemente, contribuir para que as propostas elaboradas pelos participantes apresentassem mais qualidade e efetividade.

Este guia é fruto desta iniciativa, com o objetivo de consolidar os conhecimentos gerados nos seis cursos e de possibilitar o acesso à informação por um número maior de organizações. Esperamos que esta publicação seja uma ferramenta importante para que as organizações tenham autonomia na elaboração de suas propostas e possam, assim, viabilizar a melhoria da qualidade de vida de comunidades associadas ao uso sustentável da biodiversidade.

Aproveitamos para agradecer os autores, colaboradores, revisores e todos aqueles que ajudaram na construção desta iniciativa, que se constitui um marco e a consolidação dos 25 anos de experiência do ISPN na pesquisa, documentação e o apoio de projetos comunitários ecossociais.

» Para baixar gratuitamente o livro, Clique aqui.

» Acesse também o site Capta: Guia de Elaboração de Pequenos Projetos Socioambientais para Organizações de Base Comunitária com a sistematização do conteúdo dos cursos de elaboração de projetos e captação de recursos.

20.11.14

Revista Policy in Focus faz análise sobre o desenvolvimento humano sem desmatamento

CERRADO

A mais recente edição da revista Policy in Focus, intitulada Desenvolvimento sem Desmatamento, traz uma série de artigos que buscam discutir a promoção do desenvolvimento humano preservando, simultaneamente, as florestas do Sul Global. A revista é editada pelo IPC-IG (International Policy Centre for Inclusive Growth), um fórum global de diálogo Sul-Sul conduzido por uma parceria entre o PNUD e o governo brasileiro.

A edição atual da revista explora o trabalho do PNUD e GEF, onde se enquadra o Programa de Pequenos Projetos Ecossociais (PPP-ECOS), coordenado pelo ISPN. Donald Sawyer, assessor sênior do Instituto, publicou um artigo entitulado “Comercialização de Produtos Agroextrativistas: Problemas e Soluções”, onde traz análises e recomendações baseados na experiência de 20 anos do PPP-ECOS com o financiamento de pequenos projetos nos biomas Cerrado e Caatinga.

Para acessar a íntegra da revista, clique nos links: portuguêsinglês.

20.08.14

ISPN apoia carta aberta a favor da produção artesanal, familiar e comunitária

 

No dia 15 de agosto de 2014, organizações da sociedade civil apresentaram  uma série de reivindicações à Agência Nacional de Vigilância Sanitária  (ANVISA), durante reunião pública da Diretoria Colegiada (DICOL/ANVISA). Nesta oportunidade foi lida e entregue uma carta a favor da racionalização dos procedimentos para regularização sanitária dos empreendimentos artesanais, familiares e comunitários e da promoção da alimentação saudável.

 

Clique aqui para acessar a carta

 

Para manifestar apoio e subscrever a carta, envie email para rodrigo@ispn.org.br

 

 

Próxima Página . Next Page»

TFCA - Tropical Forest Conservation ActFundo AmazôniaPNUD - Programa das Naes Unidas para o DesenvolvimentoGEF
ISPN - Instituto Sociedade, População e Natureza »Fazer login » Intranet
SHCGN CLR Quadra 709 Bloco "E" Loja 38, CEP 70.750-515 Brasília - DF . Fone/Fax: (61) 3327-8085
DoDesign-s Design & Marketing